barrolo.com/sarau

UMA LUZ DEPOIS DO ESCURO

 DEPOIS DO ESCURO, CADA DIA EM OUTRA LUA ________________________________________ Eu a vi branca, como a luz desta imagem, para que se plantasse, sujeito num lugar, gente numa cultura. Todas elas (as luas) tivessem lados, fossem claras e escuras, para dias serem claros pessoais. O ser assumisse, luas lho cruzassem, o lado escuro perseguisse dele, amortizando, […]

Leia Mais